Não sou eu, é a TPM!

/
20 Comments





Você está em casa sozinha, fazendo o que sempre faz. Como se não bastasse, os seus melhores amigos saíram juntos em uma viagem dos sonhos, e você, por motivos de força maior - como dinheiro - não pôde se juntar a eles. Tentando se distrair com coisas relativamente inúteis, você se pega imaginando o que eles estão fazendo lá, agora, sem você. Como num simples toque em uma fileira de dominós, você se lembra da solidão, do seu ex e das coisas maravilhosas que casais fazem quando não se tem nada pra fazer. Suspiros. Você sente uma coisa estranha, bem aqui, e supõe que, além de sozinha, você está doente. Mas logo descobre que é apenas a angústia que está crescendo.

Mais suspiros. Afinal, por que os Judas dos seus amigos viajaram logo quando você estava sem dinheiro? Não poderiam esperar mais uma voltinha do calendário? Será que tenho amigos? Pronto. A coisa é séria. Quando começa a questionar as amizades e todo o círculo social que frequenta, sabe que alguma coisa está muito errada. Temendo estar em depressão, você começa, desesperadamente, a vasculhar suas coisas a fim de achar algum telefone, e-mail, sinal de fumaça, qualquer coisa que te tire dessa fossa. Então se lembra que não precisa de ninguém e é plenamente capaz de se divertir por si só. Vai, sim, àquela festa e foda-se o resto. E se não tiver algum conhecido, passa a conhecer! A prioridade é se divertir.

Você toma um banho demorado, passa quarenta minutos escolhendo a roupa perfeita, quinze minutos arrumando o cabelo, dez pra fazer a maquiagem e, finalmente, quando está pronta e pára na frente do espelho, se depara com aquela barriga power. Leva quarenta e cinco segundos pra desfazer tudo. Se joga na cama, em lágrimas, e decide que nunca mais vai sair de casa até estar gostosa. Vai até a cozinha pegar uns chocolates pra se consolar e esbarra com o espelho do corredor. Além de gorda, está cheia de espinhas e umas olheiras maiores que o Maracanã!

Volta pro quarto, convencida que é uma mandinga das brabas que foi jogada em você e tenta, freneticamente, lembrar de algum inimigo que conquistou ao longo da vida.

Entre um açúcar e outro, você sente que quer o seu ex de volta, que ele é o amor da sua vida e que não adianta mais fingir, você vai se declarar pra ele. Então, você lembra que ele tem namorada e pensa que ele tem toda razão em ter te trocado por ela, sem barriga, espinhas ou olheiras. E se fosse você, ainda faria igual! E então você já não consegue mais segurar as lágrimas, as frases pessimistas, a coriza do nariz e os palavrões.

Nessa hora você já está cansada de chorar, suas olheiras estão tomando vida própria, a barriga, conversando com os joelhos e você passa a considerar a ideia de entrar pra um convento. Você se prepara pra dormir, ansiosa pra esse dia acabar. Vai ao banheiro pela última vez e, então, surpresa: você acaba de entrar naqueles dias! 

E, como num simples toque em uma fileira de dominós, você já se sente melhor. Já não lembra mais de letras de músicas e nem de maldições. Escova os dentes pensando no que vai fazer no dia seguinte. Desliga a trilha sonora enquanto manda mensagem pros seus amigos mochileiros: "Divirtam-se por mim! Amo vocês". E se prepara pra dormir um sono perfeito, mas não antes de parar, por acaso, na frente do espelho do corredor: "Você é linda, menina. Muito linda". 






You may also like

20 comentários:

  1. Adorei o texto! Poxa, tem que ter muita paciência pra aguentar tudo isso né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todas as mulheres de TPM viram o bicho kkkkkkkkk

      Excluir
    2. E eles ainda acham que é mentira ;/

      Excluir
  2. Ah mia fia do jeito que suncê tá, só o ôme é que pode ti ajudá! Omôdeu!kkk

    Repare, a vida segue, um dia você viaja, os amigos ficam e no meio deles alguns sentiram o que seu belo texto expressa...

    Ao certo, é de lenhar isso, viu dona moça? kkkk

    PORRETA!

    O Sibarita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkk e põe lenha nisso! Esse texto foi escrito em 2005, meus hormônios estavam a flor da pele e qualquer coisinha já era capaz de despertar minha ira adolescente! rs

      Excluir
  3. ah mana nem me fale tpm me mata por dentro
    eu fico quase em ponto de matar uhuhasahu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho fases, tem a q ngm me ama, tem a q eu sou quase uma psicopata, tem a sensivel... foda! kkk

      Excluir
  4. É por essas e outras que as mulheres são consideradas tão complexas..hahahaha. Adorei!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. E como fica isso com os homens? Aí não tem nada que resolva mesmo, não há desculpa, é depressão e pronto. É olhar a barriga e abrir uma cerveja para aumentar ainda mais rsrs. Brincadeiras a parte, ótimo texto. Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É que o homem não tem esse turbilhão de hormônios desenfreados! Gostaria de não ter tb, sou perigosa nessa época, rs. PS: entendo BEM essa coisa da barriga e cerveja kkk

      Excluir
  6. São mudas as neblinas nesta ilha
    É de pobreza o pão que alimenta o meu sentir
    Oiço o mar com os meus próprios dedos
    Parti do desencontro dos meus derradeiros medos

    Parti e deixei no cais mil dúvidas
    Lembrei tempos que corri feliz pelas amoras
    Nesses dias bebi sofregamente a vida
    Nesses dias a minha alegria era incontida

    Um radioso domingo


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  7. Nossa eu na TPM viro do avesso.
    Gostei do texto.
    Vivian minha amada estou em falta com vc
    do selo dardos. Confesso que tenho andado pouco
    na net. Estou viajando toda semana para Minas e isso
    é pior que uma TPM, hehehe.
    Mas já já me organizo e coloco.

    Mil beijos e uma semana cheia de paz e luz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se aperreie não, menina, isso foi um presentinho, fique tranquila.

      Mil beijos pra você também, mocinha! Ótima semana!!!

      Excluir
  8. Que texto divertido e muito, muuuuito verdadeiro!

    A TPM mexe com a nossa cabeça, né? Confunde tudo...em um minuto tudo muda hahahhaaha

    Acabei de conhecer o seu blog e gostei demais! Parabéns, viu? Escreve bem e de um jeito descontraído, gostoso de ler! :)

    Beijos e boa semana para você :)

    Michas

    http://michasborges.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aah obrigada!! Fico muito feliz que tenha gostado :)
      Ótima semana pra vc, mocinha :***

      Excluir
  9. Oi, Vivian!

    O que é a TPM?

    Obrigada.

    ResponderExcluir
  10. Ai ameeeei! Li com a mãe do lado, que agora pouco estava reclamando "Ai como estar de tpm é insuportável, credo! Não me aguento mais..." ahahah
    Beijos!

    chuvadeutopia.blogspot.com

    ResponderExcluir