Pelos direitos de um pause atropelado

quarta-feira, novembro 28, 2012 Vivian Loreti 11 Comments

"Vivemos em uma época em que nada é suficiente. A tecnologia não descansa, o relógio não tira férias, o seu chefe não relaxa e o concorrente está a mil. O fast forward já está no automático e aumentando a velocidade. Somos metralhados sem direito a bandeira branca por todos os tipos de eventos e informações, em plena corrida dos cem metros rasos e com obstáculos. Já é hora de ganharmos o merecido botão de pause."




    Pause. Este é o botão que deveríamos nos presentear de vez em quando. E, digo logo, entre todos os apetrechos de uma vida, este seria o de maior uso. Isso tudo porque, muitas vezes, não nos permitimos o luxo da espera, do descanso. O mundo não para e não podemos deixar que nos atropele na corrida do cotidiano. Concordo. Mas água demais mata a planta, já dizia a sua avó quando você desejava um mês inteiro de finais de semana. Certa estava ela.
    Vivemos em uma época em que nada é suficiente. A tecnologia não descansa, o relógio não tira férias, o seu chefe não relaxa e o concorrente está a mil. O fast forward já está no automático e aumentando a velocidade. Somos metralhados sem direito a bandeira branca por todos os tipos de eventos e informações, em plena corrida dos cem metros rasos e com obstáculos. Já é hora de ganharmos o merecido botão de pause.
    E isso nem sempre significa pôr os pés pra cima, em uma cadeira de praia no Caribe. Dar um pause é humildemente se conceder o direito de um slow motion uma vez ou outra. É congelar o obrigatório quando este não está sendo mais produtivo, fazer o prazeroso e só apertar o play quando a mente estiver tranquila e longe do abismo do lugar-nenhum.
    Vivemos apostando corrida e nem sequer sabemos quem ganhou. É ilógico correr sem saber para onde. Quando sua vida estiver em fast forward, siga os conselhos do fabricante. Verifique se está no automático. Procure falhas. E se houver irregularidades no interior, procure imediatamente o pause mais próximo de você.


 

You Might Also Like

11 comentários:

  1. Olá, Vívian... Pausar é importante. Muitas pessoas imaginam não conseguir. Mas, na verdade o que falta é o permitir-se ocasional... Mesmo porque, se não pausarmos de vez em quando, uma hora a "máquina" pode não aguentar mais...

    Excelente seu post. Prazer estar por aqui...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Geraldo. É isso aí, se não pausarmos uma vez ou outra, pifamos!
      Obrigada pelo elogio, fico feliz que tenha gostado.
      Beijão

      Excluir
  2. Que fofo o novo visual daqui *-*

    Também acho que é bom dar um pause de vez em quando. Seria tão bom se a gente pudesse sempre fazer isso ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah eu enjoei da cara do outro, resolvi mudar, rs.

      Excluir
  3. Adorei o texto! Eu o achei muito verdadeiro, ás vezes pausar é tudo que precisamos, mesmo sem saber, pausar para refletir e para ficar mais tranquilo. Um botão de Pause seria ótimo.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, obrigada pelo elogio. Realmente, esse botão de pause seria uma mão na roda, rs.

      Beijão

      Excluir
  4. Pois é! kkkk Ao acabar de ler seu belo texto, o meu botão de pausa berrou, se retou e me disse: Olha Sibarita nem pense ir na onda dessa moça aí que eu não desligo, não tente e não se avexe, é nada para você! To ligadinho sempre... -Miserável! kkkkkkkkkkkk

    O que faço sua menina se o desalmado do botão de pausa se recusa a parar? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Meu Deus do céu, o que será de lá eu agora? kkkkkkk

    Porreta!

    O Sibarita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk menino, não é o que o meu vive dizendo isso pra mim tb? kkkkk

      Excluir
  5. o texto ficou muito bom
    se a gente nao para um pouco podemos acabar estragando algumas coisas ou nós mesmos.
    o visual do seu blog ta muito fofo viu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigaada :)
      Nem me fale, sem um pause a gente acaba pirando!!!
      Bjão

      Excluir
  6. eu adorei o estilo do blog.
    ficou muito fofo mesmo.
    ah cara se a gente nao der uma paradinha podemos ter problemas né xp
    vamos nos permitir a tudo.

    ResponderExcluir