A importância do não

/
17 Comments
"Um 'não' dito na hora certa para uma criança, provavelmente será aquilo que auxiliará a definição da personalidade de um adulto saudável."






    Uns tremendos egoístas. É assim que se sentem aqueles que são obrigados a dizer estas três simples letrinhas. O não, ao contrário do que se pensa, não é nada fácil. Pais, educadores, namorados, cônjuges, amigos: ninguém sente prazer ao negar o que outra pessoa tanto quer. O não castiga.  Por este motivo é tão mais leve o emprego do seu oponente, o inocente sim. 

    Inocente... talvez. Inofensivo, jamais. O sim pode ser subversivo. Sim demais, então, destruidor. Passamos metade de uma vida sendo enganados pelos encantos de um belo sim. Detestamos quando impedem um grande desejo como criar gatos, comprar todo o troco de balas, faltar aulas ou entregar o trabalho na próxima semana. 

    O não castiga, mas impõe limites. 

    Uma mãe, cansada da sua rotina, precisa, ainda assim, passar um tempinho com o seu filho. Muitas vezes, esta mãe não tem tempo suficiente dentro do seu dia para dedicar à sua família, e, por este motivo, prefere acatar as malcriações vindas do seu pequerrucho e adota o sim como estratégia de substituição: troca atenção por todas as vontades atendidas. Porém, esta mãe que, por pena, medo ou cansaço da argumentação, oferece sim em demasia, acaba por roubar os limites e o entendimento da realidade no desenvolvimento do seu filho. Um "não" dito na hora certa para uma criança, provavelmente será aquilo que auxiliará a definição da personalidade de um adulto saudável. 

    Em um namoro não é menos difícil o emprego certo do não bem dito. Isso acontece porque nem tudo o que se pede é o que estamos prontos para oferecer. Seja no sexo, no amor ou na vida. Se não estamos confortáveis, então não há porquê insistir. 

   Nem fica mais fácil ao se casar. Esta é para os maridos que acham que a mulher nega por prazer. Pelo contrário, meus caros, dói mais na gente do que em vocês, acreditem. Nem sempre levar a cerveja até a sala, onde vocês assistem sentados ao futebol, enquanto estamos lavando a cozinha, fazendo o bebê dormir, alimentando o cachorro e tirando a panela do fogo - na nossa única folga do trabalho - é exatamente a hora certa de se dizer um sim prazeroso. O não, de vez em quando, serve para garantirmos nossa sanidade.

    Mas amigo bom é aquele que dá as chaves do carro, acorda de madrugada para te buscar na balada, paga sua entrada, não é mesmo? Não. Amigo de verdade é aquele que abre os seus olhos quando você está sendo incômodo, aquele que sabe como dizer que é hora de parar, que limita o excesso de bondade, para que a amizade - assim como o amigo mala - tenha a oportunidade de crescer.

    Pode soar esquisito, mas o não é um autêntico benfeitor. Um "não" bem dito protege, tem poder de cura. Saibamos, por fim, fazer bom uso de um verdadeiro formador de personalidades!






You may also like

17 comentários:

  1. Nunca uma palavra ensina tanto do que um simples "não". Seu texto confirmou umas teorias minhas haha' :)

    http://florescerepalavrear.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Também acho que o não mais ajuda que atrapalha, é horrivel ouvir um não, mas a gente tem que falar não para as pessoas.

    O problema de dizer não para as pessoas é que a gente fica com medo de magoa-las e tal, aí fica chato, mas é preciso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O não é difícil pra cacete! Mas, putz, liberta!

      Excluir
  3. Olá Vivian!!
    Já entrei...muito prazer e...seja bem vinda sempre!!
    Amei tudo o que li...textos,frases,inclusive a escrita do seu perfil...adorei!!
    NÃO,uma palavra tão pequena...a primeira que aprendemos a balbuciar não é??? e por que é tão difícil de dizer não é mesmo?? Eu sofro muito por isso, sofro mais em dizer do que em ouvir, acreditas??
    Bjkas meu bem e até mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cida, muito obrigada pelos seus elogios, fico muito feliz que tenha gostado!

      Tem razão, é uma das primeiras palavras que aprendemos e é uma das mais difíceis de dizer. Sofremos, Cida, sofremos. É duro, mas é libertador!

      Excluir
  4. Oi Vivian, querida!

    Seus textos são de futura Psicóloga, mesmo. Eles mexem com os sentires e as emoções.
    Um NÃO E uma BOFETADA, na altura certa, constroem a personalidade de qualquer pessoa.

    FELIZ NATAL E BOM ANO DE 2013 PRA VOCÊ E SUA FAMÍLIA.

    Beijinho da Luz, com estima e muita ternura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luz!
      Concordo TOTALMENTE com vc! Uma palmadinha e um não na hora certa, são capazes de muitos milagres!

      Um ótimo fim de ano pra você :) Ótimas festas!
      Beijão

      Excluir
  5. Dizer não tbm significa impor limites.
    adorei o texto bjs

    ResponderExcluir
  6. Adorei Vivian,
    è importante tanto saber receber o não,
    como falar o não. Eu aprendi cedo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, Vivian!
    Adorei seu artigo, você tem toda razão... precisamos quebrar esse tabu de que a palavra "não" nos afasta de quem amamos... Acho que ela só nos aproxima de nós mesmos.
    Parabéns pelo blog!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Ótimo texto! Quanto à parte de impor limites às crianças, é bem como tu citou. Os pais trabalham e não conseguem passar muito tempo com os filhos e, por culpa, cansaço e outros razões variadas, acabam deixando passar as malcriações e criam verdadeiros monstrinhos. Só que temos que lembrar que, se a criança não for educada em casa, com certeza levará umas duras da sociedade depois... e aí que vem o problema, pois ninguém quer ver seu filho sendo maltratado, ironizado e tudo mais pelos outros. O "não" é realmente valioso...

    ResponderExcluir
  9. Ótimo texto! Quanto à parte de impor limites às crianças, é bem como tu citou. Os pais trabalham e não conseguem passar muito tempo com os filhos e, por culpa, cansaço e outros razões variadas, acabam deixando passar as malcriações e criam verdadeiros monstrinhos. Só que temos que lembrar que, se a criança não for educada em casa, com certeza levará umas duras da sociedade depois... e aí que vem o problema, pois ninguém quer ver seu filho sendo maltratado, ironizado e tudo mais pelos outros. O "não" é realmente valioso...

    ResponderExcluir
  10. Oiiiê...flor, gostei tanto daqui....talvez porque deve estar em algum lugar, escondidinho o meu coelho branco....rs. Tantos "Nãos" me deixaram infeliz e muitos tão injustos. Mas, teria sido pior pra mim se eu tivesse que ir adiante. Amei seu post viu. Paz na sua vida. Bjkas - seguindo e já curti.

    ResponderExcluir
  11. Olá boa tarde!!
    O não fere a "liberdade" e o orgulho e, faz com que a pessoa que o recebeu, se sinta diminuída na proporção do orgulho que alimenta.
    As pessoas que amam se a si mesmas, aceitam o não , pois são humildes e compreendem o não como uma proteção da vida e não como "punição".
    O espírito em si, já possui sua personalidade , sua índole... O que a educação mediante ao sim e ao não promovem, são os ajustes necessários a evolução do ser na vida.
    Uma educação equivocada atrapalhará um pouco sua jornada, mas aquilo que o espírito é , sempre o levará ao caminho que deve trilhar, as escolhas que deverá fazer, cedo ou tarde!! Um abraço, Luciano!!

    ResponderExcluir
  12. ANSEIOS

    Se alguém não lhe oferecer abrigo
    Eu lhe darei meu coração.
    Quando você chorar
    Estarei ao teu lado para secar suas lágrimas
    Se o sol não brilhar o seu dia
    Te darei meu sorriso.

    Quando as estrelas surgirem no seu firmamento
    Eu lhe darei meu infinito
    Se faltar-lhe um abraço
    Eu te darei meu afeto
    Quando a fonte da paixão secar, eu lhe darei o mar.

    Sua amizade me basta
    Seu carinho procuro
    Seu amor eu anseio
    Sua paixão eu desejo.

    Você é meu caminho, meu atalho e minha estrada
    Sem você meus sentidos me negam
    Minha alma me trai
    Meus sentimentos se perdem...

    Seu coração é nossa aliança
    Seus lábios, minha esperança...
    A esperança de sentir o gosto do seu mel,
    Do seu corpo
    Do seu prazer.

    *( Agamenon Troyan)

    SKYPE: tarokid18

    TWITTER: @episodiocultura

    MSN: machadocultural@hotmail.com

    ResponderExcluir
  13. Mais um texto ótimo
    a importância do NÃO é extremamente importante com isso a maturidade da pessoa aparece saber que a vida não é um conto de fadas como a grande maioria infelizmente acredita.
    parabéns
    ^.^

    ResponderExcluir