E se esse fosse o último ano da sua vida?

quarta-feira, junho 05, 2013 Vivian Loreti 12 Comments



Há algum tempo eu conheci a história do Zach Sobiech e, na hora, comecei a pensar sobre como a vida é aquilo que a gente espera dela. Ontem me deparei com ele de novo, enquanto peregrinava pelo Hypeness e me peguei mergulhada em um milhão de pensamentos.

Pra quem não conhece, Zach Sobiech é um rapaz americano, conhecido mundialmente pelo viral Clouds, onde canta e toca violão. Aos 14 anos, Zach foi diagnosticado com osteossarcoma (sim, a mesma doença do Gus), um raro tumor que ataca os ossos e tem maior índice de aparição em crianças. Em março de 2012, Zach foi informado pelos seus médicos que só teria, no máximo, um ano de vida. Imagine as coisas que passam pela cabeça de quem tem hora marcada pra partir dessa pra melhor. Mas Zach escolheu viver.

Imagem: reprodução

Gravou e lançou o primeiro álbum no início de 2013, intitulado Fix me up. Populares e artistas gravaram e postaram na internet seus vídeos cantando a música do rapaz, que faleceu no dia 20 de maio de 2013. O interessante sobre a vida de Zach era a vontade de viver, independente do que estava por vir. Sorridente, procurava sempre um motivo para estar alegre e aproveitar cada dia como se fosse o último. Porque ele, mais que ninguém, sabia que uma hora, realmente, seria.

Pensando sobre Zach e sua história, me ocorreu que passamos metade de uma vida tentando alcançar coisas que não fazem a menor diferença nas nossas vidas. Tentamos ser o que esperam de nós e o que querem que sejamos, esquecemos aquilo que queremos, de fato, ser.

E se esse fosse o último ano da minha vida? Eu fiz tudo aquilo que quis fazer? Eu fui tudo o que poderia ser? Aproveitei o suficiente? Tenho algo pra me arrepender?

Tentando responder a essas perguntas, vi que tenho sido bastante negligente em relação àquilo que quero de mim, da minha vida. E, pensando nisso, resolvi correr atrás de tudo aquilo que acredito que seja capaz de me tornar completa, e, por estar completa, andar mais perto da felicidade.

Apresento a vocês o meu projeto #esefosseoultimo que criei pra me organizar e motivar a conclusão dos meus projetos pessoais. Funciona assim: a pessoa cria um To Do List com os itens que precisa fazer antes de morrer, fotografa cada missão e publica com a tag #esefosseoultimo pra compartilhar a felicidade. O projeto não tem duração premeditada, pois não se pode prever o futuro. Assim, entre uma coisa e outra, após cada conclusão, bate aquela sensaçãozinha de dever cumprido. De orgulho. Porque eu não posso me dar ao luxo de deixar que seja tarde demais.

Eis a minha lista:



Projeto #esefosseoultimo



1 - Viajar para, pelo menos, 4 destinos diferentes por ano.
* Lugares prioritários para conhecer: o sul do Brasil e outros países.

2 - Organizar, em primeiro lugar.
* Sou muito desorganizada e preciso lembrar de organizar primeiro os planos, a casa e a administração financeira antes de agir.

3 - Encontrar, pelo menos uma vez ao mês, com meus amigos e familiares.
* Desde que me mudei de casa mal vejo meus pais e amigos. Pretendo reverter essa situação o quanto antes.

4 - Prestigiar, todos os meses, as inúmeras formas de arte.
* Item interligado ao item do Projeto 101 coisas em 1001 dias, posto como "Ir ao teatro a cada 6 meses".
* Espalhar a arte.
* Parar de me privar quanto a shows, festivais e grandes eventos.

5 - Pintar um quadro.
* Não que eu tenha grandes talentos, mas essa é uma coisa simples que eu sempre quis fazer e, por acreditar que eu não poderia, nunca fiz.

6 - Escrever e publicar um livro.
* Item interligado ao Projeto 101 coisas em 1001 dias.

7 - Levar uma vida mais saudável.
* Porque adiar o fim é sempre uma boa opção!

8 - Conhecer outras religiões ou práticas religiosas.
* Voltar ao Diksha da Unidade e estudar, sempre. Largar preconceitos e abraçar as diferenças.

9 - Ser alguém melhor, sempre.
* Sou apaixonada por animais e quero levar isso adiante. Além disso, há sempre alguém precisando da ajuda de outro alguém.

10 - Casar no papel.
* Eu já moro com o meu namorado há pouco mais de um ano, me sinto esposa de corpo e alma, mas não casamos no papel AINDA. Se tudo der certo, no final do ano serei senhora Fernandes, rs.

11 - Tocar na neve.
* Nunca vi nem comi, eu só ouço falar, rs.

12 - Plantar uma hortinha.

* Não sei cuidar de plantas, mas quero aprender a cultivar minha própria plantaçãozinha, acho que me traria mais calma.

13 - Vencer uma fobia.
* Sou cheia das ansiedades e tenho muito medo de tudo. Esse é um item importante.

14 - Conhecer o Jardim Botânico.
* Eu não acredito que ainda não conheço.



Por hoje é só. A lista vai se aprimorando de acordo com o tempo.

E vocês, quais são as coisas que precisam fazer antes de morrer?

Até mais.


You Might Also Like

12 comentários:

  1. Ah tem tantas coisas... ter um sitio, com varios filhos e cachorros correndo pra lá e pra cá, viajar pra varios lugares, aperfeiçoar meu ingles, ser mais economica, uma melhor dona de casa rs e por ai vai rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então vamos correr atrás que somos jovens e temos toda uma vida pra tentar :D
      Beijo!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Fique a vontade! Depois vem aqui me mostrar sua listinha :)

      Excluir
  3. Vivian,
    Eu assisti a uma matéria sobre ele e fiquei impressionada também.
    Exemplos como o dele realmente fazem toda a diferença.
    E achei muito bacana sua iniciativa Vivian, parabéns e sucesso! Que tudo dê certo e que você alcance os objetivos.
    Eu ando precisando me organizar assim também. Vou aderir também!
    Adorei sua lista, compartilhamos de alguns objetivos em comum.

    Um beijo!

    http://meninamsicaeflor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Jhosy! Quando vc fizer sua listinha não deixe de me mostrar que eu quero ver :)

      Beijão!

      Excluir
  4. Eu há pouco tempo deixei de fazer/preocupar com o que os outros querem e ando fazendo o que "der na telha" e a sensação é ótima.
    Incrível a história dele!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que esse seja o caminho certo pra seguir, Ariana! Os nossos próprios instintos!
      Beijão

      Excluir
  5. Não conhecia a história do Zach e fiquei boquiaberta! deve ser muito estranho ter seu tempo cronometrado, cada segundo é importante! sempre tive vontade de criar uma lista de desejos a alcançar na vida, inspirada no filme "Um amor pra recordar" a tal lista da Jamie Sullivan, Ex: está em dois lugares ao mesmo tempo e etc. vc provavelmente já deve ter assistido o filme, e sabe do que eu to falando, ainda não criei a minha por pura preguiça. Mas seu post me incentivou a não deixar as coisas pra depois, pois #esefosseoultimo ?

    Myllena,
    Minhas Pequenas Verdades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Myllena, eu fiquei pensando a mesma coisa.
      Como deve ser a cabeça de alguém que tem tempo marcado pra morrer?
      Acredita que ainda não vi esse filme? Pois vou colocá-lo na minha listinha de filmes pro final de semana :)
      Ah, e fico feliz em ter te incentivado :)
      Beijão!

      Excluir
  6. Se esse fosse meu último ano de vida, acho que eu não teria feito nada que realmente queria fazer. A gente fica deixando para depois e para depois, e acaba não fazendo nada. Seu projeto me lembrou que meu projeto de 101 coisas está completamente parado. Até esqueci a página em rascunho =/ Vou voltar com ele
    Boa sorte com suas metas!

    ResponderExcluir
  7. Desejo e estimo muito que consiga alcançar essas metas
    pelo qual, também são minhas (tirando algumas rs)
    sucesso ok!???
    =]

    ResponderExcluir